Galeria de Fotos

Curso de Bioética esclarece dúvidas

Curso de Bioética esclarece dúvidas

O Curso em Bioética, no sábado e domingo, no salão paroquial, foi um sucesso como na sexta-feira. Padre Mário Marcelo expôs com competência e autoridade assuntos como aborto,  eutanásia etc. Muita participação, muito esclarecimento, muitas dúvidas esclarecidas.

Padre Mário Marcelo Coelho no programa Um Coração Para Amar

Padre Mário Marcelo Coelho no programa Um Coração Para Amar

Padre Giovani entrevista Padre Mário Marcelo Coelho, Professor Doutor em Teologia Moral e Bioética. Nesta entrevista, ele nos fala um pouco de sua vida, que nasceu em Itumirim, estudou no Colégio Nossa Senhora de Lourdes, fez Zootecnia na antiga ESAL, hoje UFLA,  e depois mestrado na mesma faculdade. Ao terminar os estudos, sentiu o chamado para o sacerdócio, levando-o a se preparar para assumir sua verdadeira vocação, ser padre.  Está em Lavras, nesse fim de semana, para ministrar o curso de Formação em Bioética no salão paroquial da Matriz de Sant’Ana. Bioética significa ética da vida (tudo aquilo que envolve a vida).  Vida que é um dom, que é divina, que não nos pertence, que é inegociável. Explica o momento da concepção, o início da vida humana que deve ser respeitada, fala também sobre aborto, a pílula do dia seguinte etc. Esclarece que a Igreja é a favor da vida, da pessoa humana e da felicidade. Na música, teve a participação de Thaisa e Maykon. Confira toda a entrevista neste domingo, dia 09/03, às 09 horas, e reapresentação na terça-feira, às 19 horas.

 

Curso em Bioética

Curso em Bioética

Com o salão paroquial lotado, às 19h30, dessa sexta-feira, Pe. Mário Marcelo deu início ao Curso sobre Bioética na visão da Igreja Católica. Com o seu jeito simples, mas com conhecimento e muita sabedoria,  prendeu a atenção dos mais de 150 participantes na sua colocação sobre “Direito à Vida”. Amanhã, sábado, a partir das 14h, ele continuará sua colocação. Participe deste momento, aumente o seu conhecimento e esclareça sua dúvidas.

Padre Mário Marcelo Coelho é natural da vizinha cidade de Itumirim, sacerdote da Congregação do Sagrado Coração de Jesus (SCJ), formado em Teologia pela PUC do RJ, mestre em Teologia prática e professor da Faculdade Dehoniana em Taubaté  (SP). 

Pe. Ronaldo Neri e RCC Lavras no Programa Um Coração Para Amar
By 26 de fevereiro de 2014 0 Comments Read More →

Pe. Ronaldo Neri e RCC Lavras no Programa Um Coração Para Amar

Pe. Giovani conversa com Pe. Ronaldo Neri, que é o novo diretor do seminário Dehonista de Lavras, que nos conta um pouco sobre sua vida, sua missão e sobre sua vocação. Toda vocação é uma história de amor única e irrepetível. Contamos também com a participação do coordenador da RCC de  Lavras, Alysson, com a Indianara e o André, eles convidam a todos para o carnaval com Cristo a partir de sábado. Na música estiveram presentes a Larissa e o Richarlesson. Confiram nesse domingo 2 de março, no programa Um Coração Para Amar às 9h, com reapresentação terça as 19h.

Dom Célio dá início a Escola da Fé
By 24 de fevereiro de 2014 0 Comments Read More →

Dom Célio dá início a Escola da Fé

 A Paróquia Santana realizou na terça-feira, dia 11 de fevereiro, a abertura do curso de formação da fé. O evento contou com a presença do Bispo responsável pela Diocese, Dom Célio. A equipe da Pastoral da Comunicação conversou com o religioso que esteve em Lavras, apenas para prestigiar o início da Escola de Formação da Fé, com uma linda celebração litúrgica concelebrada, e um encontro especial com muitos daqueles que irão participar da mesma, no salão paroquial, logo após a Missa.

O curso já conta com a participação de aproximadamente 150 inscritos. Como pontua Dom Célio, compreender a palavra de Deus seja através da Bíblia ou pelos outros ensinamentos que a igreja propõe para o crescimento na fé é fundamental para todos os cristãos. Para contribuir com esse conhecimento a Paróquia Santana oferece a Escola de Formação da Fé, uma oportunidade de amadurecimento pessoal e espiritual.

A Diocese em uma assembléia onde estavam todos os padres e representantes dos leigos, priorizou a formação dos leigos, junto com o apoio a família e a juventude, informou o Bispo a Pascom.  Para o religioso, quanto mais o católico conhecer e viver a sua fé, então, ele nunca vai trocar a igreja, a religião, por outra. De acordo com Dom Célio, “na medida em que eu vou conhecendo um pouco mais o fundamento da fé, seja pelo estudo da palavra de Deus, pelos documentos da igreja, então, vamos percebendo como aquilo que expressamos é importante para nós!”

Para aqueles que ainda não matricularam, ainda há oportunidade. As inscrições podem ser feitas na secretaria paroquial, ou na sacristia, nos momentos que precedem as celebrações. Como pontua Dom Célio, “a gente não ama aquilo que não conhece”, portanto, participem, discutam e conheçam os fundamentos da doutrina Católica. Esse é o recado do Bispo para toda a comunidade de Lavras.

Kelly Carvalho

 

Pe. Elígio é entrevistado no programa Um Coração para Amar
By 22 de fevereiro de 2014 0 Comments Read More →

Pe. Elígio é entrevistado no programa Um Coração para Amar

No programa pela TVU, domingo, dia 23, às 9h, e terça-feira, às 19h, Pe. Elígio fala sobre o valor da família e sobre a importância da formação na fé. A música é animada pelo Maicon que participa da Pastoral da Música na paróquia.

Encontro da Juventude
By 17 de fevereiro de 2014 0 Comments Read More →

Encontro da Juventude

Estiveram reunidos no Recanto Sagrado Coração de Jesus, neste final de semana, lideranças dos grupos de jovens das paróquias da nossa diocese. A finalidade é traçar metas para a pastoral diocesana da Juventude, uma das prioridades da Diocese de São João Del Rei.  Vitor disse que estavam presentes lideranças de várias cidades que pertencem a diocese e que estavam todos empenhados em fazer um bom planejamento. Que Deus os ilumine e lhes guie nesta grande caminhada.

 

GEBs e CPP participam de formação
By 15 de fevereiro de 2014 0 Comments Read More →

GEBs e CPP participam de formação

No último dia 8, às 13h,  os GEBs e CPP – Coordenadores das Comunidades Urbanas e Rurais – participaram da primeira formação deste ano. Os coordenadores de pastorais, movimentos e associações, das comunidades urbanas e rurais da paróquia, e representantes do Geb’s, estiveram presentes, no salão paroquial, para uma formação sobre a Campanha da Fraternidade 2014, que traz o tema “Fraternidade e Tráfico Humano” e lema “É para a liberdade que Cristo nos libertou” (Gl 5, 1).

cartaz2014

Foi abordado especificamente o Texto Base da CF 2014, focado no método: Ver, Julgar e Agir.  Pe. Elígio iniciou falando sobre o “Objetivo da Campanha da Fraternidade no Brasil, e sobre O tráfico humano no contexto da globalização, com foco na mobilidade e trabalho e as formas de enfrentamento ao tráfico humano”. Logo em seguida, Pe. Giovani apresentou o tema “A iluminação no Antigo e Novo Testamento”, e o Prof. Alexssander Siqueira sobre as “Propostas para o enfrentamento do tráfico humano e canais de denúncia”. 

Casal partilha sua experiência de fé
By 12 de fevereiro de 2014 0 Comments Read More →

Casal partilha sua experiência de fé

No próximo domingo, dia 16, no Program Um Coração para Amar, Pe. Giovani cita a palavra do Papa Francisco para o Dia do Enfermo e de Nossa Senhora de Lourdes (11/02), e entrevista o casal Aníbal e Rita. Eles contam um pouquinho de suas vidas alicerçadas em Deus.

“Quem está aos pés da Cruz com Maria, aprende a amar como Jesus”.

Nossa Senhora de Lourdes
By 11 de fevereiro de 2014 0 Comments Read More →

Nossa Senhora de Lourdes

Foi no ano de 1858 que a Virgem Santíssima apareceu, nas cercanias de Lourdes, França, na gruta Massabielle, a uma jovem chamada Santa Marie-Bernard Soubirous ou Santa Bernadete. Essa santa deixou por escrito um testemunho que entrou para o ofício das leituras do dia de hoje.

“Certo dia, fui com duas meninas às margens do Rio Gave buscar lenha. Ouvi um barulho, voltei-me para o prado, mas não vi movimento nas árvores. Levantei a cabeça e olhei para a gruta. Vi, então, uma senhora vestida de branco; tinha um vestido alvo com uma faixa azul celeste na cintura e uma rosa de ouro em cada pé, da cor do rosário que trazia com ela. Somente na terceira vez, a Senhora me falou e perguntou-me se eu queria voltar ali durante quinze dias. Durante quinze dias lá voltei e a Senhora apareceu-me todos os dias, com exceção de uma segunda e uma sexta-feira. Repetiu-me, vária vezes, que dissesse aos sacerdotes para construir, ali, uma capela. Ela mandava que fosse à fonte para lavar-me e que rezasse pela conversão dos pecadores. Muitas e muitas vezes perguntei-lhe quem era, mas ela apenas sorria com bondade. Finalmente, com braços e olhos erguidos para o céu, disse-me que era a Imaculada Conceição”.

Maria, a intercessora, modelo da Igreja, imaculada, concebida sem pecado, e, em virtude dos méritos de Cristo Jesus, Nossa Senhora, nessa aparição, pediu o essencial para a nossa felicidade: a conversão para os pecadores. Ela pediu que rezássemos pela conversão deles com oração, conversão, penitência.

Isso aconteceu após 4 anos da proclamação do Dogma da Imaculada Conceição. Deus quis e Sua Providência Santíssima também demonstrou, dessa forma, a infalibilidade da Igreja. Que chancela do céu essa aparição da Virgem Maria em Lourdes. E os sinais, os milagres que aconteceram e continuam a acontecer naquele local.

Lá, onde as multidões afluem, o clero e vários Papas lá estiveram. Agora, temos a graça de ter o Papa Francisco para nos alertar sobre este chamado.

Nossa Senhora de Lourdes, rogai por nós!

Fonte Canção Nova

Posted in: Artigo, Galeria de Fotos
Cruz Dehoniana
By 10 de fevereiro de 2014 0 Comments Read More →

Cruz Dehoniana

Símbolo da Congregação dos Padres do Sagrado Coração de Jesus (Dehonianos), a cruz dehoniana expressa a espiritualidade deixada por Pe Dehon: o amor e a reparação.
A cruz, por si só, é símbolo da entrega de Cristo por nós. O amor, visivelmente expresso também no símbolo do coração, é a presença viva de Cristo Ressuscitado na Eucaristia, entendida como atitude de proximidade adorável. O Coração de Cristo se dá e se revela plenamente sobre a cruz, entregando-se como oferta vitimal para a libertação e a salvação dos pecadores, uma entrega de amor sem medida, oblativo, oferta da vida para que tivéssemos mais vida. Na cruz, vemos o Coração de Deus, um Deus que ama tanto a humanidade a ponto de dar sua vida. É isso que queremos dizer com a cruz dehoniana.
O Coração de Jesus, leva-nos ao centro de nossa fé: Deus, que é amor. Um amor que se revela e se doa no amor redentor de Cristo, oferecendo e suscitando, em quem acolhe, uma vida nova na caridade, uma vida que se torna possível pelo dom do coração novo.

Observe um detalhe: é um coração vazado: não está desenhado sobre a cruz. A cruz aparece como uma forma. É justamente nisso que encontramos um outro grande significado de nossa cruz. Uma vez que ela tem a configuração de uma forma, nada mais simples de entender que cada um deve colocar ali seu coração. Devemos ter um coração igual ao d’Ele. Igual no jeito de tratar as pessoas, no amor pelas coisas do Pai e pelo Reino. E, acima de tudo, igual em Sua doação total, quando se entregou na cruz.

No peito eu levo uma cruz no meu coração o que disse Jesus. É para nunca esquecer que devemos modelar nosso coração no Coração do Mestre.

Posted in: Artigo, Galeria de Fotos
Um Pouquinho de  Sant’Ana
By 10 de fevereiro de 2014 0 Comments Read More →

Um Pouquinho de Sant’Ana

Santa Ana se casou jovem como toda moça em Israel naquele tempo. A tradição diz que São Joaquim era um homem de posses e bem situado na sociedade. Ambos viviam em Jerusalém, ao lado da piscina de  Betesda, onde hoje está a Basílica de Santana. O casal se relacionava com pessoas de todo Israel, especialmente nas festas em Jerusalém.

A esterilidade de Santa Ana

Santa Ana, porém, tinha um grave problema: era estéril. Não conseguia engravidar mesmo depois de anos de casada. Em Israel daquele tempo a esterilidade era sempre atribuída à mulher, por causa da falta de conhecimento. A mulher estéril era vista como amaldiçoada por Deus. Por isso, Santa Ana sofreu grandes humilhações. São Joaquim, por sua vez, era censurado pelos sacerdotes por não ter filhos. Tudo isso fazia com que o casal sofresse bastante.

A concepção milagrosa de Maria

Santa Ana e São Joaquim, porém, eram pessoas de fé e confiavam em Deus, apesar de todo sofrimento que viviam. Assim, num dado momento da vida, São Joaquim resolveu retirar-se no deserto, para rezar e fazer penitência. Nessa ocasião, um anjo lhe apareceu e disse que suas orações tinham sido ouvidas.

Ao mesmo tempo o anjo apareceu também a Santa Ana confirmando que as orações do casal tinham sido ouvidas. Assim, pouco tempo depois que São Joaquim voltou para casa, Ana engravidou. Parece que através do sofrimento, Deus estava preparando aquele casal para gerar Maria, a virgem pura concebida sem pecado.

Sant’Ana rogai por nós !

Posted in: Artigo, Galeria de Fotos